EAP Cursos: ESPECIALIZAÇÃO EM ENDODONTIA - CREDENCIADO PELO CFO
EAP Cursos: APERFEIÇOAMENTO EM PRÓTESE SOBRE IMPLANTES
APCD Ribeirão Preto

Dia das Mães - Super Mães

Superando os limites elas cuidam dos filhos, são exímeas profissionais, exemplos de superação

Dia das Mães - Super Mães

Um meio de homenagear e comemorar os sentimentos e virtudes do amor materno tem sido as muitas manifestações no DIA DAS MÃES. Essas mulheres maravilhosas do mundo moderno que desempenham bem o papel de mães, se superando, elas desenvolvem várias funções ao mesmo tempo, protagonizando suas histórias. Esse é o desafio que encaram com determinação, dando o seu melhor, se realizando como mães e na carreira escolhida no universo da Odontologia. A  maternidade proporciona momentos emocionantes e inesquecíveis, desde o nascimento dos filhos e, a partir dai, pelo resto de suas vidas dos pais.

 

O Amor aumenta com o crescimento do filho, ainda na barriga

Dia das Mães
Durante a gestação já experimento o sentimento de ser mãe. Desde o quinto mês já estamos interagindo com o Kenio Neto, começou a mexer, responde aos nossos estímulos e, agora mesmo, falando sobre ele, fica se movimentando, participando deste momento. São muitas emoções nesta fase", revela a cirurgiã-dentista Tatiana Gonçalves C.R. Abrão, endodontista, que atua consultório próprio.

De acordo com Tatiana Gonçalves, ainda muito jovem sonhou em ser mãe. O seu sonho se tornou realidade em setembro passado, 5 meses depois de seu casamento. "Eu e meu esposo kenio Abrão Filho queríamos muito, então estamos muito felizes"! diz ela.
Segundo ela, embora tenha acontecido em tempo de Pandemia, foi uma gestação tranquila, mesmo tendo de conviver com medos e distanciamento na fase gestacional, em que se quer muito abraço e o carinho dos familiares. "Para evitar riscos, a gente se fecha para proteger a si mesma e ao filho. Agora com a liberação da vacina para as gestantes e as mães em fase de amamentação, devo receber a vacina, inclusive para passar anticorpos para o bebê".
Para o futuro o casal Tatiana e Kenio Filho, pretendem educar seu filho Kenio Neto, passando valores cultivados pelos seus pais, como a importância da valorização da família, do respeito ao próximo e do cultivo de virtudes como equilíbrio e superação.
"É maravilhoso sentir, à medida que meu filho cresce dentro de mim, aumentar esse imenso amor, vindo não se sabe nem de onde, e saber que já é e será o amor maior de minha vida. Não sei se o meu filho Kenio chegará antes ou depois do dia das mães, que seja no tempo dele, mas, esse Dia das Mães, para mim é super especial, já me sinto mãe", ressalta ela.

 

 

Ser mãe é algo grandioso, uma grande oportunidade de crescer

Dia das Mães
A Cirurgiã-dentista Cristiane Aparecida Nogueira Bataglion ,40 anos, mestre e doutora pela FORP/USP atua no HCFMRP, pela manhã, durante as tardes se divide entre os cuidados com a filha Luísa (2 anos e 5 meses) e o consultório particular, atendendo casos de DTM e pacientes com necessidades especiais.

A maternidade é uma experiência única. Aprendemos a ser mãe no percurso. Ser mãe é um aprendizado mútuo: a gente ensina nossos filhos, mas eles também nos ensinam. Eles nos mostram belezas da vida que às vezes a gente deixa de enxergar com a rotina.", afirma Cristiane Bataglion.
Segundo ela, ser mãe, esposa, profissional e cuidar das tarefas do dia a dia, requer organização, planejamento e a busca de equilíbrio nestas responsabilidades.
"Ser mãe e profissional fazem parte do que eu sou. Tento ser a melhor possível como mãe e como cirurgiã-dentista, não trato só de dentes, cuido de pessoas. Fico muito feliz por estar conseguindo acompanhar o crescimento de Luísa, seu desenvolvimento e aprendizado", diz ela, acrescentando que para isso conta com o apoio tanto do esposo, como dos pais e sogros.
Depois de um ano complicado devido a pandemia, Cristiane Bataglion torce pela superação de tudo isso, para uma maior interação presencial tão importante, especialmente para as crianças.
"Ser mãe é algo grandioso, uma grande oportunidade de crescer, ser melhor e ir além de nós mesmas. Quando nos tornamos mães nascemos de novo. Ser mãe foi um complemento para minha vida. Amo ser mãe! Agradeço a minha mãe por tudo que sempre fez e faz por mim. Feliz dia das mães a minha mãe e a todas as mães!!"

 

 

A maternidade transforma, dá um poder de superação, mãe quer ser cada vez melhor

Dia das Mães
A cirurgiã-dentista Catia Janjácomo Martini, 46 anos, que atua no serviço público de Ribeirão Preto e em consultório particular como clínica geral e endodontista revela como se sentiu ao se deparar com a responsabilidade de ser mãe.

"Eu queria muito ser mãe, mas quando fui fazer o ultrassom e ouvi o coração de Pietra: tum, tum, tum...uma emoção tomou conta de mim. Ao sair, ainda no estacionamento, chorei muito. E agora, o que eu faço? Um medo de não ser capaz de cuidar daquele ser ao qual estava dando vida. Creio que toda mãe sente isso," conta.
Segundo ela, vê-la nascer e recebê-la em seus braços foi maravilhoso e único, destes momentos inesquecíveis, inclusive, para o pai Artur Martini.
"Hoje Pietra Janjácomo Martini, com 11 anos, uma menina dócil, amorosa, dotada de um olhar humanizado e sensível sobre tudo, me proporciona uma imensa alegria ao constatar que ela faz parte de uma geração de luz. Sempre agradeço a Deus pela família que construí e pela filha maravilhosa que ele me deu", frisa ela.
Segundo Cátia Martini, a maternidade transforma, dá um poder de superação, capaz de impulsionar a ser melhor.
"A gente muda muito ao ser mãe.Queremos ser melhores! A maternidade me transformou, hoje sou muito melhor. Assim como minha mãe foi para mim, eu sou espelho para Pietra, é uma grande responsabilidade", ressalta.
Tem de saber administrar bem o tempo, para fazer tudo.
"Ser mãe é isso, fazer tudo: limpar, lavar, cozinhar, levar na escola, acompanhar nas tarefas esco-lares...É estar exaurida de cansaço, no fim de um dia de trabalho e tudo mais, já na cama para dormir, e a filha falar : mãeee...! você resgata as suas forças e vai acalentá-la..., e se sente privilegiada por isso. Mãe administra tudo, tem de ter energia para fazer tudo isso... E se não der, Deus provem", frisa.

 

 

A maternidade é fundamental para sentir como é ser mãe

Dia das Mães
A auxiliar e técnica em saúde bucal, Lady Laura Reis Alves Ferreira, 38 anos, é mãe de Laura Ferreira, que faz 1 ano no 30 de maio. Formada em tecnologia em Gestão Pública, atua como servidora pública municipal como auxiliar de Saúde Bucal há 8 anos, função que a realiza profissionalmente.

"Ser mãe foi fundamental para sentir como é ter um alguém que você gerou, deu vida, sentir sensações e mudanças físicas que somente na gestação a mulher é capaz de tê-las, não me tornou mais mulher e sim uma mãe, o que é maravilhoso", relata Lady Laura.
Segundo ela, a maternidade transforma diante da responsabilidade de cuidar de uma nova vida de forma carinhosa e inteligente para que ela seja uma criança tranquila e uma adulta sábia no futuro.
De acordo com ela, mesmo no momento se dedicando muito a filha Laura, sempre arruma um tempinho para estudar, buscando encaixar em sua rotina cursos especialmente de culinária e estética, seus hobbys preferidos.
"Dá pra conciliar tudo, é só não ter pressa, sem afobamento, tudo vai se desenrolando com tranquilidade. Para poder ter tempo para acompanhar de perto e curtir o crescimento de Laura, meu esposo Valdeci e minha mãe me apoiam, são meus pilares", pontua Lady Laura.

 

 

Os filhos dão a motivação para buscar ser cada vez melhor

Dia das Mães
A cirurgiã-dentista, Dra. Kelli Marques Paiva, 45 anos, ortodontista, natural de Bauru, conciliar a vida pessoal com a profissional foi muito mais fácil nos primeiros anos de seus filhos Caike (16 anos) e Isabela (6 anos), com o apoio da mãe, na sua cidade natural, onde tinha carreira já consolidada.

O desafio mesmo foi ao mudar para Ribeirão Preto, quando teve de recomeçar a carreira e cuidar dos filhos, sem o apoio da família.
"Até hoje, minha rotina é bem apertada. Tudo bem planejado e cronometrado. Cuido da casa, das refeições e de dar suporte aos meus filhos as atividades estudantis e extra curriculares. Fico sempre com a impressão de não ter feito tão bem quanto deveria, mesmo sabendo que dei o máximo de mim", revela Dra. Kelli.
Segundo ela, é preciso ser bem criteriosa para ter tempo para tudo: os filhos, sempre priorizados. agora ainda mais devido a pandemia, consultório, casa, academia e os cursos, para fazer frente a muitas inovações da Odontologia.
"Atualmente estou fazendo o curso de Especialização em Harmonização Oro Facial, na APCD-Ribeirão Preto, voltado para a estética, uma área que sempre me atraiu" comenta ela.
Revela ainda: "nestes meses tenho passado muito tempo com eles, tanto Caike quanto Isabela tem estudado muito em casa, o que nos aproxima muito mais. Algo bem positivo em meio a tudo isso", frisa ela.
Realizada profissionalmente, Dra. Kelli, salienta ser a família, a maior motivação para todo esse empenho. "O que dá força para fazer tudo isso são os meus filhos. Eles me impulsionam na busca de melhoria, até mesmo profissionalmente, não só para ser um referencial para eles, como para lhes proporcionar melhores oportunidades em suas trajetórias", pontua ela.
De acordo com Dra Kelli, "toda essa correria é recompensada, nofinal do dia, pelos momentos de aconhego vivenciados juntos com Caike e Isabela".

 

 

A maternidade é o milagre da renovação da vida, por isso, imensa gratidão

Dia das Mães
A cirurgiã-dentista Rejane Barbiere Marques, 50 anos, especialista em Dentistica restauradora, há 30 anos atuando em consultório próprio, é natural de Ribeirão Preto, onde se formou na FORPUSP. Para Rejane ser mãe de Murilo, 22 anos e Luiza, 18 anos, é muito gratificante nesta fase de sua vida, em que eles são companheiros e amigos.

"É uma relação muito boa, estar junto, dialogar, vê-los expressar suas ideias, fazer suas escolhas, podendo participar de tudo, dando o nosso respaldo", comenta Rejane, acrescentando que para isso focou em passar para seus filhos o valor da família, tal qual fizeram seus pais.
De acordo com Rejane, tanto para ela como para seu esposo Robson, também cirurgião-dentista, foi muito reconfortante ver o filho Murilo, optar pela Odontologia. "Atualmente, Murilo faz estágio conosco e isso é muito bom, podermos passar um pouco de nossa experiência, acompanhar de perto a construção de sua carreira profissional", pontua ela, acrescentando que a filha está na faculdade, fazendo o curso de veterinária.
"Com a minha filha Luiza, um dos momentos mais emocionantes, vividos nesta fase, foi poder dançar com ela no Festival de balet. Muito bom constatar que temos muito em comum, como o gosto pela dança", comenta ela.
Sobre ser mãe, destaca emocionada "É tocante saber que a partir de duas células nasce um ser único, no meu caso esses dois seres que me completam. Esse é o milagre da renovação da vida, por isso minha imensa gratidão".

(16) 3630-0711

Avenida do Café, 1080 - Ribeirão Preto (SP)
Ops... Preencha corretamente o formulário.
Obrigado! Seu formulário de inscrição foi encaminhado com sucesso.